Assinar Receba o Nosso Conteúdo Atualizado. Clique Aqui Para Receber.

O Marketing Multinível é Seguro?

Devido aos últimos acontecimentos, muita gente deve estar se perguntando se o Marketing de Rede é seguro.

Obs: (Este é um post antigo, mas que expressa um pouco do que penso hoje em 2014. Acredito que hoje eu esteja mais cauteloso, quando o assunto é MMN, mas ainda acho que é uma das melhores formas de ganhar dinheiro online.)

Acho que a grande dificuldade que temos é saber realmente o que passa dentro das empresas que trabalhamos.

Muito se especula e pouco se prova. O que ainda continua me chocando é como o egoísmo é muito presente nas nossas vidas. Pelas redes sociais a fora vemos muitas pessoas comemorando quando algo dá errado para alguma empresa que não lhe diz respeito. Vejo páginas ligadas ao Marketing Multinível onde não se lê nada sobre MMN, e sim apenas ataques a pessoas e empresas que por hora são as que estão em maior evidência.

Mas infelizmente gente boa e gente ruim existe em todo lugar. Já vi pessoas desejando a derrota da Telexfree no passado e depois se tornando  grandes divulgadores e defensores da mesma. O que não podemos esquecer é que muita gente depende conseguiu melhorar de vida com o Marketing Multinível, mas depende dele para não voltar aos problemas do passado.

MAS EM FIM, O MARKETING MULTINÍVEL É SEGURO?

O meu pensamento sobre qualquer negócio é que sempre existem riscos. Você não conseguiria abrir uma loja física com os valores investidos pela grande maioria das pessoas em Marketing Multinível e muito menos teria garantia de que o seu negócio daria certo. Cerca de 45% das novas empresas fecham as portas em menos de 2 anos, segundo pesquisa do Sebrae. (Confira o vídeo abaixo)

O grande problema continua sendo a falta de transparência. Se uma empresa é uma pirâmide acho que deveriam provar e mostrar o balanço patrimonial, para termos certeza.

Se a Telexfree é uma empresa fraudulenta porque o governo aceitou mais de R$ 150 milhões em impostos arrecadados.

O Marketing Multinível ainda não possui uma legislação ativa no Brasil, e isso atrapalha bastante.

Próprio advogado da empresa Sr. Horst Vilmar, soltou uma nota interessante sobre essa situação:

“Para refletir, na minha posição de jurista, professor de direito: um banco obtêm recursos pagando apenas 0,5% de juros ao mês e empresta estes a juros de 9% ao mês. Ou seja, em um ano temos uma rentabilidade 20 vezes maior, ao Banco. Indagação a) qual o produto em questão? Resposta: dinheiro. b) qual o índice de retorno? 20 vezes o valor recebido; c) qual a razão para este negócio não ser considerado um crime? o fato de existir uma regulamentação legal. Então já está na hora de termos uma legislação específica para o marketing de rede e evitar medidas arbitrárias como as que estamos vendo serem imputadas à TelexFREE.”

Fonte:www.facebook.com

Eu sempre preguei aqui no blog e também em todas as conversas diretas que tive com interessados em participar de MMN que o risco sempre existe e que as pessoas precisam saber disso. O problema que vejo é que essa situação foge ao controle já que em diversos lugares o que se passa é uma ostentação muito grande. O que não se passa é que para conquistar muito dinheiro você terá de dar um grande retorno para a empresa também.

Assim como em qualquer emprego bem remunerado nos negócios convencionais. Precisamos saber disso, o Marketing Multinível é um negócio de risco, mas é um negócio assim como qualquer outro. Rende muito para a empresa, ganha muito.

E quando se diz risco, te pergunto, que garantia você tem no seu emprego? A garantia que temos é a legislação que pode te oferecer seguro, FGTS etc.. mas não a que você terá um emprego.

O QUE FAZER PARA DIMINUIR OS RISCOS NO MARKETING MULTINÍVEL?

Essa é uma outra coisa que sempre comento muito no blog. Nunca deixe todos os seus ovos em uma só cesta. Procure trabalhar com mais empresas, tente ter o seu próprio negócio online, montando um blog, revendendo produtos digitais, criando os seus próprios produtos.

O que não falta são bons cursos na internet. Com persistência e dedicação é possível de se chegar longe.

Eu mesmo estive um pouco ausente do blog faturando nas ultimas semanas porque após ter feito o curso Segredos do Adsense, que foi uma das minhas melhores aquisições em 2013, resolvi fazer mais 2 blogs de temas diferentes para monetizar com o Google Adsense. Esse curso com certeza é uma ótima forma de iniciar, outro curso que não pode deixar de fazer é o Círculo dos Milionários do Rui Ludovino, que é uma autêntica universidade do Internet Marketing.

Sobre o que está acontecendo com o Marketing Multinível no Brasil, as investigações, a paralisação da Telexfree, espero que pelo menos tenhamos um resultado verdadeiro. Que possamos saber se as empresas são irregulares ou não.

Não acreditem em promessas mirabolantes, para se ganhar muito dinheiro no MMN depende como funciona cada empresa, mas só existem 2 formas para conseguir, ou colocando bastante dinheiro ou trazendo muitas pessoas.

Sempre foi assim. Empresas de grande nome como Herbalife (patrocinadora do Barcelona e do Botafogo) e Amway, já fizeram muitas pessoas infelizes. Se perguntar para algumas pessoas na faixa de 50 anos o que você vai escutar é corra dessas empresas, isso é pirâmide. Então isso não é de hoje. A diferença que vejo é que com essas empresas no passado a maioria das pessoas não ganhava nada e alguns ganhavam milhões e com as de hoje todos ganham alguma coisa e alguns milhões.

Grande abraço e sucesso,

Elias Junior

 

by Elias Junior

Empreendedor Web e gestor de E-Commerce e do blog Faturando.com.br. Com formação em Gerência de E-commerce e Marketing Digital pela E-commerce School.

2 comments… add one

  • Excelente abordagem do tema, concordo plenamente. Quando abordamos os casos das empresas ditas tradicionais as pessoas já não pensam da mesma maneira. É certo que o marketing de rede e o multinível muitas vezes cruzam linhas menos claras sem algum controlo, mas o dia a dia empresarial apesar de controlado, atravessa essas linhas regularmente e impunemente.

    Reply
    • Elias Junior junho 29, 2013 2:40 pm

      Obrigado Luis! Com certeza. Ficamos no meio da falta de legislação e da clareza dos fatos de ambos os lados.
      Só quero ver se o caso se concretizar, se as pessoas realmente vão conseguir receber algo de volta.

      Abraço,
      Elias

      Reply

Leave a Comment

Next Post:

Previous Post:

Google+